IBGE abre vagas de trabalho em São Miguel do Gostoso

Setor: Eventos.


Publicada: 25/02/2021



O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) inicia um processo seletivo simplificado em São Miguel do Gostoso para as funções de recenseador e agente censitário municipal. O trabalho temporário colocará em operação o Censo Demográfico 2021 no estado e tem duração prevista para os contratos de três a cinco meses, dependendo da função.

O trabalho de recenseador tem duração de três meses e a remuneração baseada na produção, com salário de R$ 1.700. Já a remuneração do agente censitário municipal é de R$ 2.100 e essa função é responsável pelo posto de coleta, a base das equipes do Censo no município. A duração prevista do contrato do agente censitário é de cinco meses. Em São Miguel do Gostoso são oito vagas disponíveis para recenseador e uma para agente censitário municipal. As contratações temporárias são regidas pela lei federal 8.745/93.

As inscrições no processo seletivo para agentes censitários começaram em 19 de fevereiro e terminam em 15 de março. Para recenseador, o período é de 23 de fevereiro a 19 de março. As provas para agentes censitários acontecem no dia 18 de abril, nos municípios onde houver vaga. No domingo seguinte, 25 de abril, será a prova dos candidatos a recenseador. Todas as provas são de múltipla escolha.

Para os futuros agentes censitários, as disciplinas cobradas são língua portuguesa; raciocínio lógico; ética no serviço público; noções de administração/situações gerenciais; e conhecimentos técnicos do IBGE. Para os candidatos a recenseador, o conteúdo é de língua portuguesa, matemática, ética no serviço público e conhecimentos técnicos do IBGE.

Em razão da pandemia de covid-19, o IBGE adiou o Censo para 2021 e cancelou os processos seletivos iniciados em 2020. Em maio do ano passado, o Instituto iniciou a devolução das taxas de inscrição. A inscrição nos processos seletivos de 2020 não garante a participação nas seleções lançadas neste ano.

O Censo Demográfico 2021 atualizará os dados populacionais e perguntará sobre moradia, educação, renda, trabalho e outros temas aos moradores dos domicílios potiguares. Para cumprir essa missão, o Censo, no Rio Grande do Norte, terá 2.910 recenseadores distribuídos nos 167 municípios do estado durante os meses de agosto, setembro e outubro.

Os dados do Censo são fundamentais para conhecer o Brasil com precisão, identificar problemas, formular e avaliar políticas públicas. O Censo também influencia na divisão de recursos entre estados e municípios e na quantidade de parlamentares das casas legislativas. As empresas, por sua vez, podem usar os dados para avaliar ambientes de negócios e mercados.

Site para inscrição:
www.cebraspe.org.br/concursos

Vagas no RN:
2.910 recenseadores
252 agentes censitários supervisores
151 agentes censitários municipais

Recenseador(a):
Período de inscrição: 23/02 a 19/03.
Requisitos básicos: 18 anos ou mais e ensino fundamental completo.
Taxa de inscrição: R$ 25,77
Remuneração: por produção.

Agente censitário municipal e agente censitário supervisor
Período de inscrição: 19/02 a 15/03.
Requisitos básicos: 18 anos ou mais e ensino médio completo.
Taxa de inscrição: R$ 39,49.
Remuneração:
Agente censitário municipal: R$ 2.100
Agente censitário supervisor: R$ 1.700